top of page

Nunca coloque ícones ou cores nos contratos e petições, exceto se...

Que o Legal Design e o Visual Law são um hype, isso não há dúvidas. E com razão. O Legal Design é uma daquelas coisas tão óbvias que ficamos nos perguntando como não pensamos nisso antes.


Porém, muitas pessoas da área jurídica estão tão ansiosas para surfar essa onda que começam a colocar ícones, elementos visuais e cores em qualquer documento, criando monstrinhos que chamam de “Legal Design”.


Porém, o Legal Design não é nada disso e esse pessoal vai manchar a reputação de um método que já comprovou sua eficiência em outras áreas.


Vamos com calma!


Qual o problema de colocar ícones e cores?


Na verdade, não há nenhum problema. O problema, na verdade, é fazer apenas isso ou fazer isso em primeiro lugar.


Quando falamos de Visual Law, estamos nos referindo ao tipo “design de informação”, que é um dos tipos de Legal Design.


E, antes de qualquer ícone ou cor, o elemento principal da informação é a palavra, o texto.


Portanto, os monstrinhos surgem quando o afobado profissional jurídico começa a colocar ícones e cores no documento antes de arrumar o texto.


Como arrumar o texto antes de colocar os ícones?


Em resumo, o que você procura com um documento jurídico é sua eficiência, ou seja, conseguir fazer com que a pessoa que deva ler esse documento tenha condições de lê-lo, entende-lo e se comportar de acordo com o que determina esse documento.


Você não escreve um documento jurídico para concorrer ao Nobel de Literatura. Se esse é o seu objetivo, ou se você quer uma cadeira na Academia Brasileira de Letras, escreva um romance e coloque todo o seu rico vocabulário por lá.


Para escrever um documento jurídico eficiente, precisamos nos atentar para diversas diretrizes, que vão desde a empatia para entender o leitor, passando pela hierarquia da informação e então chegando na estrutura da informação, que abrange questões como tipografia, escolha adequada das palavras, construção correta das orações e muitas outras coisas.


E os ícones, afinal?


Bem, os ícones e demais elementos visuais são muito importantes para a comunicação e ajudam a tornar o nosso documento jurídico ainda mais eficiente.


É claro que você deve usá-los, porém só depois que você arrumar o texto.


Não faz sentido colocar ícones e cores em um texto mal estruturado. Você perderá um precioso tempo com algo que você nem sabe ser ficará naquele formato mesmo.


Portanto, por favor. Não coloque ícones, elementos visuais ou cores em um documento jurídico, exceto se você já tiver corrigido e aprimorado o texto.


A reputação do Legal Design agradece.


Mauro Roberto Martins Junior

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page